Perfil

Minha foto
Assis sp, sp, Brazil
Artista plástico, Professor e grafiteiro, com formação na área de artes pelas Faculdades Integradas de Ourinhos, Como artista tenho aplicado muitos Workshop de arte urbana em faculdades e instituições, A expressão Arte Urbana ou street art refere-se a manifestações artísticas desenvolvidas no espaço público, distinguindo-se das manifestações de caráter institucional ou empresarial, bem como do mero vandalismo. A princípio, um movimento underground, a street art foi gradativamente se constituindo como forma do fazer artístico, abrangendo várias modalidades de grafismos - algumas vezes muito ricos em detalhes, que vão do Grafite ao Estêncil, passando por stickers e cartazes lambe-lambe, também chamados poster-bombs -, intervenções, instalações, flash mob, entre outras. A rua não é de ninguém e mesmo assim fui preso cinco vezes por fazer Grafite, inevitável que as autoridades ainda acham que nos artistas somos vagabundos ou infratores de nosso Amado País. Infelizmente Vivemos em um Lindo País, que poucas pessoas têm acesso cultural, nome deste País se chama Brasil Contatos: cel(18) 97480060 Email:alemaoart@hotmail.com

online

contador de visitas

Seguidores

Páginas

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

“Grafite: Arte de Rua ou Crime?”

Reações: 

O Independent fez uma reportagem levantando uma questão presente na arte contemporânea: “Grafite: Arte de Rua ou Crime?“. É um tema recorrente, claro, e a motivação da matéria foi a prisão de um grupo de grafiteiros de Londres, que pode ficar até dois anos atrás das grades. O texto vale a leitura, o debate é sempre estimulante, mas o que eu mais gostei foi a lista de grafiteiros que merecem a nossa atenção, que eles colocam no final. Bansky ficou de fora, porque já é conhecido demais. Alguns dos mencionados são estes: Paul Insect (na foto acima, uma intervenção que peguei no site dele), Blek Le Rat e Nick Walker. Muito bom.


fernando disse: 17/07/2008 às 13:28A foto que foi utlilizada acima para ilustrar GRAFITE, na verdade nao é, é um sticker, uma nova tendencia de arte de rua, onde se usam ADESIVOS, como esse da foto.
Grafite é arte de rua sim, e nunca vi um grafite sendo feito em lugares que nao fossem permitidos, como um muro de uma casa.
Por favor, não confundir em momento algum GRAFITE com pixação, que isso sim no meu ver é crime. Para quem tiver curiosidade em saber mais sobre grafite veja http://www.youtube.com/watch?v=C0r3hgB3CsM
Mas tem muitos outros videos.

Responder
edgar disse: 17/07/2008 às 14:29!!!!!!CRIME!!!!!!!!!

Responder
Raquel disse: 17/07/2008 às 15:54Creio que o grafite de modo nenhum pode ser considerado um crime, já que se trata de uma expressão artística da cultura popular urbana, que foi criada a partir de uma construção coletiva. É nesse sentido que as pessoas que o consideram um crime argumentam: acreditam que, por se tratar de uma expressão popular, perde seu valor artístico. Só porque grafite não inunda os museus nem foi criado há não sei quantos anos, não pode ser considerado arte? Pelo contrário: a prova disso está nos vários estudos sobre o tema e o interesse de galerias de arte e da própria população. Ao invés de classificar o grafite ou qualquer outra expressão artística em boa ou ruim, deveríamos pensar nas pessoas que o produzem e o porquê de fazerem isso – qual a mensagem que querem transmitir; porque arte também é comunicação. Talvez assim não veremos mais pessoas serem presas por se expressarem de modo diferente.

Responder
Marcelo Fernandes Garcia de Carvalho disse: 17/07/2008 às 16:08Acredito que a desculpa da “expressão artística” é muito recorrente quando se fala de Pixação ou outras artes como a da figura do artigo, concordo com o fernando quando ele disse que se deve diferenciar o Grafite de Pixação, mas para alguns pixação é vista como arte, o que para min é apenas vandalismo, não importa se a pixação foi uma obra de arte ou apenas algum nome rabiscado, se foi feito em lugar inapropriado ou ilegal, deve ser considerado vandalismo e que o autor sofra as conseqüências.

Responder
alberto tossin disse: 17/07/2008 às 16:51nada justifica um vandalismo, porém, é errado confundir graffiti com pixação. os dois tem a mesma origem, os guetos americanos, todavia, se diferenciam em sua composição, forma e apresentação. não se pode negar que os dois grupos visam o marketing pessoal, mas a forma como se chega ao status e o que se apresenta é o diferencial. talvez, você não encontre dificuldade de achar um quadro abstrato bonito, sendo que se trata de um monte de riscos sem nexo, mas acha horrivel o graffiti; porque? somente por que mostra uma realidade que você não gosta de enxergar? ou porque o seu mundo é tão bitolado que você não gosta de nada que não seja famoso, que não seja de grife e que não seja divulgado constantemente na midia?. existem obras de graffiti que estão expostas em grandes galerias, pintadas em casa de pessoas famosas e que valhem uma fortuna; graffiteiros estão sendo contratados para fazerem comerciais,clipes de bandas e como designers. pixação só é vista como arte, para quem está no meio, para quem pixa. infelizmente, o graffiti vai ter que lutar muito ainda para vencer, não digo nem o preconceito, mas sim a falta de informação do povo. espero que esta luta não dure muito!!!

Responder
Sergio disse: 20/07/2008 às 22:46No meu ponto de vista o grafite deve ser considerado como uma oficina de desenho
e ser apresentado para contribuir com os espaços aonde existir inspiração e respeito as opinioes expotas pelo desenhistas dando atenção merecida necessaria para contribuir com sua imaginação

Responder
keythe disse: 13/08/2008 às 10:29na minha opinião não e crime
porque seria
se e apenas a arte querendo ter espaço para se expressar

Responder
Felipe disse: 21/08/2008 às 19:16O graffit é a evolução das ruas….traz conhecimento espressa o sentimento do autor bem diferente de vandalismo….como pixe..o graffite é asseito por todos ….. o graffit é arte….. Falo por que faço mas naum tive a oportunidade de fazer em paredes demostro apenas no papel………
esta materia esta em direito do jornalista e culunista sde encontram neste sihttp://colunistas.ig.com.br/ricardolombardi/grafite-arte-de-rua-ou-crime/te

Um comentário:

  1. Graffit pra mim eh arte assim como toda e qualquer forma de se expressar... seja com um livro uma musica ou um filme...
    Crime pra mim eh ver tanta gente burra censurar o direito dessas pessoas de ir e vir como fizeram no cemiterio de assis...
    Poucos tem tal capacidade por isso parabens a voce que torna nossos muros cinzas esquecidos numa colorida expressão!!!

    ResponderExcluir