Perfil

Minha foto
Assis sp, sp, Brazil
Artista plástico, Professor e grafiteiro, com formação na área de artes pelas Faculdades Integradas de Ourinhos, Como artista tenho aplicado muitos Workshop de arte urbana em faculdades e instituições, A expressão Arte Urbana ou street art refere-se a manifestações artísticas desenvolvidas no espaço público, distinguindo-se das manifestações de caráter institucional ou empresarial, bem como do mero vandalismo. A princípio, um movimento underground, a street art foi gradativamente se constituindo como forma do fazer artístico, abrangendo várias modalidades de grafismos - algumas vezes muito ricos em detalhes, que vão do Grafite ao Estêncil, passando por stickers e cartazes lambe-lambe, também chamados poster-bombs -, intervenções, instalações, flash mob, entre outras. A rua não é de ninguém e mesmo assim fui preso cinco vezes por fazer Grafite, inevitável que as autoridades ainda acham que nos artistas somos vagabundos ou infratores de nosso Amado País. Infelizmente Vivemos em um Lindo País, que poucas pessoas têm acesso cultural, nome deste País se chama Brasil Contatos: cel(18) 97480060 Email:alemaoart@hotmail.com

online

contador de visitas

Seguidores

Páginas

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Dr. Hofmann LSD

Reações: 

diminuto montante de LSD - possivelmente através da ponta dos seus dedos - e uma vez que a droga é ativa em doses tão pequenas (medida em microgramas), Dr. Hofmann se tornou a primeira pessoa na história humana a experimentar os efeitos psicodélicos do LSD. Três dias depois, em 19 de abril, ele decidiu, a fim de verificar os seus resultados, ingerir intencionalmente 250 microgramas de LSD. Comparado a outras drogas conhecidas, esta parece ter sido uma dose muito conservadora, uma vez que nenhuma outra droga era conhecida por ter efeitos em quantidades tão pequenas.
Dr. Hofmann disse-me que ele foi “convencido desde o início do impacto fundamental” do LSD. Embora o Dr. Hofmann sempre tenha visto grande valor espiritual e potencial criativo no LSD, ele ficava frequentemente consternado com a forma com que muitos jovens utilizavam a droga apenas para melhorar as experiências sensoriais, e pelas reações proibitivas contra a droga por quase todos os governos na mundo. Devido à enorme controvérsia que rodeia o LSD, o Dr. Hofmann se refere a esta poderosa molécula transformadora da mente como a sua “criança problema”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário